Escola realiza sua primeira Competição Regional de Robótica, em Diamante [Fotos]

Publicado dia 20/10/2016 às 19h58min | Atualizado dia 00/00/0000 às 00h00min

A competição foi disputada em duas modalidades: Cabo de Guerra e Caça ao mosquito Aedes Aegypti

A Escola Professora Adilina de Sousa Diniz, localizada na cidade de Diamante (PB), no Vale do Piancó, realizou a sua primeira competição regional de robótica, “Robótica ASD”, durante toda está quinta-feira (20).

Participaram da competição nove escolas. São elas: Professora Adilina de Sousa Diniz (Diamante), Padre Manoel Otaviano (Ibiara), João Leite (Nova Olinda),  Presidente Kennedy (Santana de Mangueira), Emília Diniz Alvarenga (Boa Ventura), Maestro José Siqueira (Conceição ), Adalgisa Teodolo da Fonseca (Itaporanga), Francelino Neves (Itaporanga) e Otaviano Luiz da Silva (São José de Caiana).A competição foi disputada em duas modalidades: "Cabo de Guerra" e "Caça ao mosquito Aedes Aegypti".

Na modalidade “Cabo de Guerra” foi vencida pela equipe “Septem” da Escola Padre Manoel Otaviano, da cidade de Ibiara (PB), presentada pelos alunos Felipe Nunes e Kaio Jacobino, tendo como responsável o professor Mário Alves. Em segundo e terceiros lugares ficaram as equipes “Liga da Justiça” e “ASD Diamante”, da Escola Professora Adilina de Sousa Diniz.

(Foto: Felipe Nunes, Mário Alves, Maria do Carmo e Kaio Jacobino)

Para o professor Mário, “a competição foi muito bem organizada, algo que proporciona um grande desenvolvimento para os educandos, em que eles podem pôr em prática os seus trabalhos e estudos. O mais importante é que eventos como esse promove e articula a interação entre a comunidade estudantil da região, o que faz crescer o interesse pela pesquisa, ciências, tecnologias e a robótica”, comentou.

Já na modalidade “Caça ao mosquito Aedes Aegypti”, a equipe “Robótica FAN” da Escola Cidadã Integral Prof. Francelino de Alencar Neves, de Itaporanga, foi a vencedora. A equipe era composta pelos alunos Cosmo Alves, Vitória Leite e Gabriel Bezerra, sendo o responsável o professor Jailton Soares. “O evento foi super bem organizado, não deixando nada a desejar se comparado com eventos de maior repercussão como a OBR e a RoboTecPB. A organização do evento está de parabéns e o aprendizado adquirido na competição foi realmente maravilhoso, engrandecendo muito os nossos conhecimentos”, disse o professor. O segundo lugar ficou com a equipe “Emília TX”, da Escola Emília Diniz, de Boa Ventura. A equipe “ADAL Robótica”, da Escola Adalgisa Teodulo da Fonseca, de Itaporanga.

(Foto: Equipe campeã na modalidade "Caça ao mosquito Aedes Aegypti")

De acordo com o professor Carlos José, um dos organizadores do evento, a “Robótica ASD” tinha como tema o combate ao mosquito Aedes Aegypti, sendo que as provas realizadas pelos robôs tinham como objetivo ações de combate e prevenção contra o mosquito transmissor de várias doenças, como a Dengue, Zica e Chikungunya.  “O torneio busca incentivar os jovens a utilizar as tecnologias e, em especial, a robótica na luta contra um mosquito que fez e vem fazendo várias vítimas no Brasil, principalmente no Nordeste. Aqui em Diamante, minha esposa foi vítima da doença. Esse evento visa a conscientização das pessoas através da educação”, frisou o professor.

Para a gerente da 7ª GRE, professora Maria do Carmo, "o campeonato de robótica promovido pela Escola Adilina de Sousa Diniz é a prova de que acreditamos que nossos alunos podem aprender brincando. Pensando assim, o professor Carlão, que desde 2014 participa dos eventos de robótica, faz isso por acreditar que estudar é que nos eleva para o sucesso. E a nossa participação vem crescendo a olhos vistos, pois das 20 escolas que possuem laboratório de Robótica, 9 participaram da OBR, ou seja, a 7ª GRE foi quem mais teve participação de escolas nesse evento. Só tenho a agradecer a minha equipe, aos professores, e a Carlão pelo trabalho desenvolvido na Escola Emília Alvarenga e na Escola ADILINA Sousa Diniz", pontuou.

O suporte técnico do evento teve como responsável o aluno do 3º aluno do Ensino Médio, Renato Miguel, onde o empenho do mesmo foi essencial para o perfeito andamento do evento. A competição teve também várias outras pessoa que trabalharam de forma voluntária, o que engrandece a competição. A banda Chique-Chique Rock fez a animação do vento.

O evento contou com o apoio da 7ª GRE, representada pela professora Maria do Carmo, Posto Diamante e do Portal DiamanteOnline, que foi responsável por toda a cobertura do evento.

Veja as fotos abaixo:

 


Fonte Diamante Online


Tags: competição | robítica | combate | mosquito | Aedes Aegypti | diamante

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.