Salário ofertado em concurso da Prefeitura de Patos é repudiado por psicólogos

Das vagas, apenas 16 são para formação de cadastro reserva e, as demais, para preenchimento imediato. Os salários variam de R$ 954 a R$ 2.500, além de gratificações específicas dos cargos.

O salário ofertado pelo concurso público que realizado pela Prefeitura Municipal de Patos gerou repercussão negativa também entre os psicólogos.

Profissionais que atuam em Patos e várias cidades do sertão, emitiram nesta terça-feira, (07), uma nota de repúdio pelo salário ofertado a categoria.

Conforme a nota, a diferença salarial ofertada à classe é notória, comparada a outras categorias profissionais de nível superior.

Outra categoria que também emitiu repúdio aos salários oferecidos pela prefeitura, foram os fisioterapeutas. No final do mês de julho, o Conselho de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 1ª Região – CREFITO-1, manifestou moção de repúdio contra a proposta e notificou o prefeito de Patos, Dinaldo Filho, em relação a faixa salarial.

Segundo a Prefeitura de Patos, todas as inconsistências do edital estão sendo analisadas pela comissão responsável pelo concurso.

Ainda de acordo com a prefeitura, a questão salarial obedece uma lei municipal de 2014, porém nada impede que posteriormente seja enviado um projeto à câmara para regularizar essa situação e apesar de alguns dos salários publicados estão sem gratificações e produtividade que aumentam consideravelmente esse valor, equiparando ao de cada categoria.

O concurso de Patos está ofertando 298 vagas em todos os níveis escolares. Das vagas, apenas 16 são para formação de cadastro reserva e, as demais, para preenchimento imediato. Os salários variam de R$ 954 a R$ 2.500, além de gratificações específicas dos cargos.

Fonte maispatos.com

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.