Jovem universitária passa momentos de terror após taxista tentar raptá-la na cidade de Patos

A família não quis registrar Boletim de Ocorrência e supõe que o taxista não seja da cidade de Patos.

A reportagem do Patosonline.com tomou conhecimento de um caso ocorrido na manhã do último sábado, dia 02, quando uma jovem universitária apanhou um taxi para chegar até as Faculdades Integradas de Patos (FIP). Ela saiu do Bairro Monte Castelo com destino ao centro da cidade.

Em contato com uma amiga da família, a redação conseguiu falar com a mãe da garota que é funcionária pública no Município de Patos, mas ela pediu para que o caso não viesse à tona, pois a filha ainda está um pouco abalada com o ocorrido. A reportagem se propôs a preservar o nome da garota e da família, porém pediu para relatar o fato para que sirva de alerta.

De acordo com a mãe da garota, a jovem fez o que geralmente faz, ou seja, apanhou um taxi lotação com destino ao centro de Patos para depois ir até as FIP. Ao chegar no centro, a universitária pediu para o taxista parar, porém, este ignorou o pedido da garota e seguiu pela Rua Pedro Firmino em sentido a saída para Campina Grande.

Ao chegar nas proximidades do Posto Brasília, próximo da ponte de acesso ao Bairro Salgadinho, o taxista moderou a velocidade devido ao trânsito. Foi neste momento que a garota conseguiu abrir a posta do carro e sair correndo. Alguns mototaxistas presenciaram a aflição da jovem e procuraram saber o que havia acontecido.

A garota narrou o fato e pediu para que um dos mototaxistas a levasse até a faculdade. A família não quis registrar Boletim de Ocorrência e supõe que o taxista não seja da cidade de Patos. O episódio serve de alerta para demais jovens.

 

Fonte PatosOnline

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.