Corpos das vítimas do acidente com ônibus são sepultados em Bonito de Santa Fé e São José de Caiana

Já o corpo do agente de saúde, José Valmir Venâncio da Silva, foi levado para São José de Caiana.

Os corpos de três paraibanos que morreram em um acidente de ônibus em Minas Gerais, entre Cruzeiro da Fortaleza e Serra do Salitre, chegaram à Paraíba na noite desta quarta-feira (29), por volta das 20h. Duas das vítimas são do município de Bonito de Santa Fé e outra vítima, o motorista, é de São José de Caiana, ambas no Sertão paraibano.

Os corpos de Maria Gomes Fernandes e Gerlância Maria Vieira dos Santos foram levados para a cidade de Bonito de Santa Fé, onde foram velados. E o sepultamento ocorreu na tarde desta quinta-feira (30), em um cemitério no Distrito de Viana, na Zona Rural do município.

Já o corpo do agente de saúde, José Valmir Venâncio da Silva, foi levado para São José de Caiana. Ele morava no sítio Lagoa da Telha e foi sepultado às 10 horas dessa quinta-feira, dia 30 no Cemitério Local.

O auxiliar do IML de Patrocínio, Paulo Cristiano Gonçalves Reis, informou que a identificação das vítimas foi complicada devido a falta de documentos com fotos dos passageiros do ônibus. “Eles eram de longe e a falta de documentação atrapalhou a identificação”, disse.

O acidente
O acidente aconteceu na última segunda-feira (27). O ônibus, com placas de Porteira (CE), havia saído de São Paulo e ia para Mauriti no estado do Ceará capotou na madrugada, no km 66 da BR-146.

Testemunhas disseram ao Corpo de Bombeiros que o veículo estava em uma subida, quando o motorista não conseguiu engatar a marcha. O ônibus, então, desceu de ré, caiu em uma ribanceira de cerca de 30 metros. Além das quatro pessoas que morreram 44 foram levadas para hospitais da região.

Fonte Radar Sertanejo

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.