Paraíba é um dos estados que mais envia dados para o Sistema Único de Segurança Pública

Os dados exigidos são para a plataforma nacional que vai reunir os boletins de ocorrência de todo o país.

A Paraíba é um dos estados que mais envia dados para o Sistema Único de Segurança Pública (Susp). A pasta federal que trata do assunto tem dificuldades em receber informações de alguns estados e tem apenas seis unidades da federação integradas ao Susp.

Os dados exigidos são para a plataforma nacional que vai reunir os boletins de ocorrência de todo o país. Os estados que não colaborarem ficarão sem recursos do governo. O Pará, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro são alguns dos estados que não têm colaborado com essa coleta de informações. As gestões nessas unidades federativas negam falhas.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, informou que apenas oito estados enviam dados sobre os boletins de ocorrência regularmente ao Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública (Sinesp). O prazo para essa regularização dos outros estados é até 31 de outubro.

Em contato do Correio Braziliense, que apurou a queixa de Jungmann, São Paulo e Minas Gerais não responderam; o Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro disse que enviou os dados; a pasta no Pará negou a desatualização das informações e disse ter lançado tudo em março; no Espírito Santo, a resposta foi de que também enviou os dados, no prazo.

Fonte clickpb

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.