Governo convoca quase 600 profissionais da saúde para assumirem nos hospitais na PB

Médico, fisioterapeutas, enfermeiros e técnicos em enfermagem fizeram seleção.

Os primeiros profissionais da área de saúde aprovados na chamada pública realizada pelo governo da Paraíba para reforçar as ações de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19), na Paraíba, foram convocados ao trabalho nesta sexta-feira (3). O edital com a lista com 595 profissionais chamados foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

Na lista estão médicos de UTI (12), médico clínicos (41), enfermeiros (128), técnicos em enfermagem (342) e fisioterapeutas (81). Eles devem atuar no Complexo Clementino Fraga, Maternidade Frei Damião, Hospital do Comando Militar General Edson Ramalho, Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, Hospital de Trauma de Campina Grande, Hospital Regional Janduhy Carneiro e Hospital Regional de Cajazeiras.

A convocação é resultado de chamada pública feita em caráter de urgência pelo governo do Estado para enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, visando à contratação, de 2.245 agentes de combate ao coronavírus, no
âmbito da Secretaria de Estado da Saúde, com o objetivo de suplementar e/ou complementar as ações desenvolvidas na Paraíba.

 Procedimentos

De acordo com o edital, o candidato convocado para assinatura de contrato de emergência ficará obrigado a se apresentar com cópias acompanhadas dos originais de toda documentação exigida. No caso de não apresentação dos documentos, o candidato ficará sujeito a não contratação.

Os contratos de trabalho têm validade de 90 dias, podendo ser prorrogado por período igual, caso necessário.

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.