Ministério Público pede que Google e WhatsApp removam imagens da boneca Momo

Imagens da boneca têm sido utilizadas por criminosos da internet para convencer crianças e jovens a cometerem atos ilícitos e até suicídio

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) notificou o Google e o WhatsApp para que removam das redes sociais conteúdos que exibam imagens da Boneca Momo. Imagens da boneca têm sido utilizadas por criminosos da internet para convencer crianças e jovens a aplicarem golpes, como roubos de dados e extorsão, além de tentarem incentivar que crianças e adolescentes cometam suicídio.

Momo é uma boneca com olhos esbugalhados, pele pálida e um sorriso sinistro. Ela ficou famosa em diversos países, depois de ser disseminada em um vídeo.

Na Bahia, a notificação ao Google e ao WhatsApp foi feita por meio do Núcleo de Combate a Crimes Cibernéticos (Nucciber).

A cidade de João Pessoa registrou um caso de extorsão, onde criminosos usavam a imagem da boneca Momo para aplicar golpes.

Fonte Assessoria

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.