Homem que foi baleado em Itaporanga não resiste e morre em hospital

O crime ocorreu no último dia 3 de novembro durante um aniversário.

Depois de 18 dias internado em um hospital de Campina Grande, o podador Janeadson Ferreira de Lima, mais conhecido com Janjão, de 31 anos, veio a óbito na noite dessa quinta-feira (21) e seu corpo será transladado para Itaporanga.

Ele não resistiu aos ferimentos provocados por um tiro após uma briga com o padrasto, na madrugada de 3 de novembro. Os dois se desentenderam durante a comemoração do aniversário de um irmã da vítima, na casa da mãe dela, que fica no conjunto Miguel Morato, mas o disparo ocorreu minutos depois, nas proximidades do cemitério, quando Janeadson passava pelo local e foi emboscado.

O autor do disparo, conforme a polícia, é José Nilton Clementino da Silva, conhecido como Nino Coveiro, que se apresentou à polícia dois dias seguintes ao fato e contou que agiu em legítima defesa, após ser agredido pela vítima, que estava embriagada, segundo testemunhas.

Fonte Folha do Vali Online

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.