Golpista usa nome de ex-prefeito de Conceição para pedir dinheiro no WhatsApp

Enganador utilizou a foto de Nilson Lacerda para ficar mais convincente às vítimas.

Um golpista criou um perfil falso no aplicativo WhatsApp para se passar pelo ex-prefeito de Conceição (PB), Nilson Lacerda, e pedir dinheiro emprestado a amigos. O estelionatário utilizou a foto do pré-candidato a deputado estadual para ficar mais convincente às vítimas.  

Conforme o ex-gestor, ele foi surpreendido nesta quarta-feira (1°) quando soube que o referido número estava usando seu nome para fazer a solicitação de valores a diversas pessoas, inclusive ao advogado Ilo Ramalho.

Nas mensagens (veja abaixo), o criminoso afirmava que precisava pagar uma conta no valor de R$ 7.535,00, mas que o aplicativo de pagamento estava fora do ar, e ele não estava conseguindo acessar.

O enganador disponibilizou uma conta do banco Votorantin no nome de Marcelo Victor Batista para receber o envio. Ele ainda pediu comprovante, conforme demonstra os prints.

“Tenho que pagar um credor de uns negócios que fiz. Teria como me ajudar, amigo? Você transferir esse valor pra ele, irei ligar no banco à tarde e resolver e te estorno o valor assim que meu aplicativo voltar. Preciso pra agora!”, diz um trecho da conversa.

Diante do caso, Nilson alertou a todos que o pedido, na verdade, tratava-se de um golpe e que as pessoas que receberam as mensagens bloqueassem o número. O conceiçãozense se dirigiu à Delegacia de Polícia Civil de Itaporanga para registrar um Boletim de Ocorrência.

O crime é tipificado no Código Penal Brasileiro como estelionato. O artigo 171 diz que ato é obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento.

A pena é de 1 a 5 anos de reclusão. 

Veja as conversas: 

Diamante Online

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.