Sétimo suspeito de envolvimento em morte de PM é preso, na PB

Prisão aconteceu após ele se entregar à polícia.

O sétimo suspeito de envolvimento na morte de um policial militar em Malta, no Sertão da Paraíba, foi preso no domingo (1º), após se apresentar à polícia. De acordo com a Polícia Civil, que acompanha o caso, o homem seria o que aparece nas imagens de circuito de segurança entrando em luta corporal com o PM antes dele ser morto a tiros por outro suspeito. Ele teria se apresentado no domingo com dois advogados, no presídio de Patos.

O cabo Manoel Messias Paulino, de 44 anos, foi morto na noite da quarta-feira (28). Segundo informações da Polícia Civil, o PM foi morto a tiros por um homem depois de entrar em luta corporal com outro homem. Após diligências na manhã da quinta-feira (29), pelo menos quatro suspeitos de envolvimento no crime haviam sido presos. Já suspeito de atirar no PM foi morto durante confronto com a polícia.

Segundo a polícia, o suspeito preso neste domingo (1º), foi identificado como Alexandre Dias Oliveira. Ele estava foragido desde o dia do crime, mas se apresentou com advogados. Como já havia um mandado de prisão em aberto contra ele, ele ficou detido no presídio de Patos.

G1 PB

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.