Dia D de vacinação contra o sarampo acontece em cidades da Paraíba, neste sábado (30)

Público alvo é de pessoas de 20 a 29 anos de idade, em João Pessoa, Campina Grande e Patos.

Os inúmeros descontos da Black Friday para clientes, nessa sexta-feira (29), causou longas filas, tumultos e brigas em todo o país.

Quem tentou, por exemplo, aproveitar a promoção do Burger King de três hambúrgueres por cinco reais, precisou de paciência. No país inteiro foram vistas filas homéricas.

O dia D de vacinação contra sarampo para pessoas de 20 a 29 anos acontece neste sábado (30) na Paraíba. A vacina da tríplice viral também protege contra caxumba e rubéola.

Em João Pessoa, mais de 100 postos de imunização estarão oferecendo a vacina, das 8h às 12h. Em 2019, foram confirmados 18 casos de sarampo na cidade. Na capital paraibana, a vacina está disponível em todas as Unidades de Saúde da Família (USF), Policlínicas Municipais e no Centro Municipal de Imunizações, localizado no bairro da Torre, de segunda à sexta-feira.

Em Campina Grande, serão 43 pontos de vacinação que funcionarão das 8h às 17h. Haverá um ponto no complexo habitacional Aluízio Campos, que funcionará das 8h às 19h. Três casos da doença já foram confirmados na cidade.


Em Patos, Sertão da Paraíba, as 27 unidades básica de saúde irão funcionar das 8h às 12h. Não há registros de sarampo em Patos.

A segunda etapa da vacinação contra o sarampo começou no dia 18 de novembro em todo o estado. De acordo com a SES, o objetivo desta fase é imunizar jovens e adultos entre 20 e 29 anos que não estejam com a caderneta de vacinação em dia. Já a primeira etapa foi destinada às crianças de 6 meses a menores de 5 anos.

Sarampo
De acordo com o Ministério da Saúde, o sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, e pode causar morte. Os principais sintomas da doença são febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos, nariz escorrendo ou entupido e mal-estar intenso. As complicações atingem mais gravemente os desnutridos, os recém-nascidos, as gestantes e as pessoas portadoras de imunodeficiências. A única forma de prevenção é a vacina.

Fonte G1.

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Diamante Online, não reflete a opinião deste Portal.